domingo, 9 de dezembro de 2007

Viver como Jesus viveu

John Poulton, escreveu: "A pregação mais eficaz provém daqueles que vivem conforme aquilo que dizem. Eles próprios são a mensagem. Os cristãos têm de ser semelhantes àquilo que falam. A comunicação acontece fundamentalmente a partir da pessoa, não de palavras ou ideias. É no mais íntimo das pessoas que a autenticidade se faz entender; o que agora se transmite com eficácia é, basicamente, a autenticidade pessoal".
Havia um professor universitário hindu na Índia que, certa vez, sabendo que um dos seus alunos era cristão, disse-lhe: "Se vocês, cristãos, vivessem como Jesus Cristo viveu, a Índia estaria aos seus pés amanhã mesmo".
Eu penso que a Índia já estaria aos seus pés hoje mesmo, se os cristãos vivessem como Jesus viveu. Oriundo do mundo islâmico, o Reverendo Iskandar Jadeed, árabe e ex-muçulmano, disse: "Se todos os cristãos fossem cristãos — isto é, semelhantes a Cristo —, hoje o islã não existiria mais". - Ed René Kivitz

«Se de facto vivessemos uma vida de imitação à sua, o nosso testemunho seria irresistível. Se ousássemos viver além da preocupação connosco; se recusássemos recuar diante da possibilidade de sermos vulneráveis; se não assumíssemos coisa alguma para além de uma atitude compassiva em relação ao mundo; se fossemos uma contracultura ao desejo insano da nossa nação pelo orgulho da posição, do poder e dos bens materiais; se preferíssemos ser fiéis a sermos bem-sucedidos, as muralhas da indiferença contra Jesus ruiriam. Um punhado de nós seria talvez ignorado pela sociedade; mas, centenas, milhares, milhões desses servos poderiam abalar o mundo. Cristaõs cheios do compromisso autêntico e da generosidade de Jesus seriam o sinal mais espectacular da história da raça humana. O chamado de Jesus é revolucionário. Se o implementássemos, mudaríamos o mundo em poucos meses.» - Brennan Manning, em "A assinatura de Jesus"

7 comentários:

A Flôr disse...

"Se vocês, cristãos, vivessem como Jesus Cristo viveu, a Índia estaria aos seus pés amanhã mesmo".
Eu penso que a Índia já estaria aos seus pés hoje mesmo, se os cristãos vivessem como Jesus viveu. Oriundo do mundo islâmico, o Reverendo Iskandar Jadeed, árabe e ex-muçulmano, disse: "Se todos os cristãos fossem cristãos — isto é, semelhantes a Cristo —, hoje o islã não existiria mais". - Ed René Kivitz


Puxa! Que grande verdade... e isso aconteceria não só no mundo Islâmico como no mundo inteiro....


Senhor Jesus, faz com que eu cada vez mais diminua, para que TU SENHOR, cresças em mim! Amém

Flor deixa beijiiiinho

:)

Nelson Viana disse...

Ao ler esta linda reflexão, recordei-me de todos aqueles que foram para mim rosto de Cristo e que me deram a conhecer o Filho, o qual por sua vez, me deu a conhecer o Pai. São eles as minhas referências, pois é realmente possível ver Cristo nestes simples homens e mulheres. Basta contemplar as suas vidas...São os caso de Francisco de Assis, Madre Teresa de Calcutá, Daniel Comboni, João da Cruz, Teresa D´Ávila, e tantos outros...
Agradeço a todos eles o seu exemplo, pois tornou-se muito mais fácil para mim perceber que é possível "viver como Cristo viveu..."

Bem hajas pelo teu trabalho...

Forte abraço em Cristo, nosso Mestre

Nelson

Anônimo disse...

Somos semelhança de Jesus,pois ele nos criou conforme sua imagem, porém nós somos uma raça caída somos pecadores,cristãos imperfeitos desde nossos pais ADÃO E EVA, Jesus somente é perfeição, a unica coisa q podemos fazer aqui neste mundo é ter o minímo de caracter de Jesus demostrando isso em boas obras, conforme Ele nos instrui em suas palavras na Biblia, Alcançaremos perfeição somente na Sua segunda volta aqui na terra, onde Ele virá para tranformar todos aqueles fiéis a Ele, que viveram realmente "por" Jesus, e depois levará para os céus seus Filhos amados que um dia foram imperfeitos pecadores que viveram "por Jesus" e não "como" Jesus, porque "como" Jesus, somente alcançando perfeição. - Justina Almeida.

ganhe dinheiro clicando disse...

Ainda que os Cristãos vivessem como Jesus viveu, o que eu acredito que alguns vivem sim, muitos permaneceriam do mesmo jeito, pois assim como no tempo do próprio Jesus, onde muitos o ignoravam, hoje também não é diferente, meus amados não se cupem por nada, simplesmente continuem orando buscando a Deus, dando testemunho, lembre-se de Noé que por cem anos, falou sobre o diluvio e ninguém o ouviu, jeremias pregou acerca do Juizo que estava para acontecer, mas as pessoas endureceram o seu coração, ainda que Jesus viesse pessoalmente, aqui na terra de novo ainda assim muitos o ignorariam, e o islã continuaria existindo vamos ler mais a bíblia minha gente e ao invés de ficar se preocupando com quem vive semelhante a Cristo ou não vamos fazer como disse Paulo, o homem examini-se a si mesmo, vamos deixar de examinar a vida dos outros e examinar a nossa, e procurar viver a cada dia um vida de intima comunhao com Deus, e continuar pregando o evangelho de Cristo.
Um abraço a todos.

paulo disse...

EMBORA SEJA UM GRANDE DESAFIO, É EXATAMENTE ISSO QUE JESUS PROPÕE: QUE SEJAMOS COMO ELE. A BÍBLIA ENSINA QUE DEVEMOS FAZER TUDO EM NOME DE JESUS( NO SENTIDO DE REPRESENTÁ-LO) AQUI NA TERRA. NÃO É GRITANDO: EM NOME DE JESUS! QUE AS COISAS ACONTECEM COMO UM PASSE DE MÁGICA. E SIM, VIVENDO O DIA A DIA IMITANDO A JESUS EM SUA FORMA DE FALAR E AGIR. CONCORDO QUE SE OS CRISTÃOS FOSSEM CRISTÃOS NESTE SENTIDO, DE FATO ABALARÍAMOS O MUNDO.

Anônimo disse...

vão em testemunho dairon mesquita...meu msn-mesquitadairon@hotmail.com.......
vcs que quer realmente viver para jesus..vamos fazer uma caminhada do brasil em torno do mundo.........levando a palavra de jesus e os testemunho...escreva no msn...

Anônimo disse...

http://vivendojesusdiaadia.blogspot.com.br/

Fiquem com Deus, Amém

Nada é grave...

"Nada é grave, a não ser perder o amor." [Irmão Roger de Taizé]