sábado, 27 de outubro de 2007

Amor e Gratidão - sublimes motivações


«Cristo aceita-nos como somos; mas quando ele nos aceita, não podemos permanecer como somos." - Walter Trobisch


Se eu tivesse de resumir as principais motivações do Novo Testamento para "ser bom" numa única palavra, escolheria gratidão. Paulo começa a maior parte das suas cartas com um resumo das riquezas que possuímos em Cristo. Se compreendemos o que Cristo fez por nós, então certamente por gratidão lutaremos para viver de maneira digna de tão grande amor. Lutaremos por santidade não para fazer Deus nos amar, mas porque Ele já nos ama.

O melhor motivo para ser bom é desejar ser bom. Mudança interior exige relacionamento. Exige amor. "Quem pode ser bom, se não pelo amor?", pergunta Agostinho. Quando Agostinho fez a famosa declaração:"Se apenas amares a Deus poderás fazer tudo o que desejares", ele estava a ser inteiramente sério. Uma pessoa que realmente ama a Deus ficará inclinada a agradar a Deus. Foi justamente o que Jesus e Paulo disseram ao resumir toda a lei no simples mandamento: "amar a Deus". - Philip Yancey, in "Maravilhosa Graça"


Jesus não pressionava ninguém a segui-lo. Queria o coração e não o serviço. quando alguém se dispunha a segui-lo, não exigia nada, apenas que aprendesse a amar. Desejava conquistar a alma e o espírito humanos. Sabia que o amor era a fonte da motivação. Tinha a convicção de que esse sentimento era uma fonte excelente de mudanças das matrizes da memória e de transformação interior. O Mestre da vida era um rei sem trono político, era um rei que tinha aprendido a reinar na alma humana. O amor e não o temor era o perfume que esse fascinante Mestre exalava para atrair o homem e fazê-lo verdadeiramente livre. - Augusto Cury, in "O Mestre do Amor"

2 comentários:

Alice disse...

Olá Paulo !! amei esse post, são essas palavras que alimentam minha alma verdadeiramente !! beijos no seu coração.

Marlene Maravilha disse...

Os textos do teu blog sao brilhantes! Preciso de tempo para le-los com a atencao devida. Mas o que consigo ler, gosto muito!
Continua em paz!
beijo

As velas

"Nas igrejas nada reza excepto as velas. Elas perdem todo o seu sangue. Consomem todo o seu pavio. Não reservam nada para elas, d...