segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

ORAR É MORRER


«Todo o Cristianismo se resume em saber morrer e ressuscitar, em acreditar que Cristo é Aquele de cuja Morte e Ressurreição nós podemos participar...

A oração é uma preciosa experiência de morte e de ressurreição.
A oração é transformadora.

Principia-se habitualmente por pedir aquilo que não convém.
E importa morrer para aquilo que se pede e despertar para Aquele a Quem se pede...

Orar é colocar-se ao dispôr de Deus para que Ele realize finalmente em nós o que sempre desejou e para o qual nunca lhe oferecemos nem tempo, nem oportunidade, nem possibilidade.

Orar é colocar-se ao dispôr de Deus para que Ele finalmente nos possa dar aquilo que desde sempre quis dar-nos e que nós nunca nos decidimos a receber porque nunca Lhe proporcionamos tempo, ocasião, liberdade para no-lo dar.

Orar é o tempo da incarnação de Deus nós, o tempo em que Lhe consentimos trabalhar em nós para nos transformar n´Ele

Louis Evely, em "Fraternidade e Evangelho"

2 comentários:

MamaNunes disse...

"Porque ele mesmo se esvaziou..."
Espero estar bem mortinha para que Ele viva em mim...
Grande abraço!

Éverton Vidal disse...

Amigo nos seus blogues eu aprendo muito. Muito mesmo. Aqui eu encontro muita coisa boa para fazer devocionais. Eu espero que você viva muito rs, pra eu poder um dia reunir a minha família diante do seu blogue pra ler um bom devocional rs.

Inté!

Nada é grave...

"Nada é grave, a não ser perder o amor." [Irmão Roger de Taizé]