sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

UM AMOR DESCONCERTANTE

“[o amor] tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.” – 1 Coríntios 13, 7

“Jesus esperava tudo de todos. Para além das nossas comédias mais enfadonhas, das nossas defesas mais consternadoras – respeitabilidade, seriedade, sobranceria, dignidade ou indignidade, mutismo ou imprecações, Ele adivinhava a criança insuficientemente amada que tinha cessado de crescer porque tinham deixado de crer nela.
O Senhor não se prendia a nenhuma das nossas aparências: sabia que as pessoas são capazes de tudo, tanto para ter boa como para ter má aparência. E que tão digna de dó é uma como outra. É por não termos sido amados, descobertos, incentivados, considerados capazes de melhorar… que nos tornamos tão maus.
Deus existe em cada ser e espera ser adivinhado nele para nele crescer.

Amar um ser é dirigir-lhe o mais forte e imperioso apelo, é alvoroçar nele um ser oculto e mudo que não pode evitar levantar-se à nossa voz; um ser tão novo que era desconhecido até daquele que o contém e todavia tão verdadeiro que não pode deixar de o reconhecer quando o descobre.

Amar alguém é chamá-lo à vida, é convidá-lo a crescer.

E não se tem a coragem de crescer senão para alguém que crê em nós.
Ao nível em que cessaram de crescer é que devemos atingir aqueles que encontramos, ao nível em que foram abandonados e se aprisionaram então a si mesmos, em que principiaram a segregar uma carapaça porque imaginavam estar sós.
Importa que alguém nos ame bem profundamente, bem audaciosamente para nós ousarmos mostrar-nos humildes, bondosos, ternos, simples, vulneráveis. (Louis Evely, em "Tu és esse homem")

7 comentários:

Marlene Maravilha disse...

Amor. Palavra mágica, e poderia consertar o mundo! É sempre edificante ler sobre o amor.
Lindo texto!
Já te convidei para veres a Valentina??
beijo grande a ti e família, um lindo final de semana, e a certeza que se tivermos tudo e nao tivermos amor, nao seremos nada mesmo!!

Ecclesiae Dei disse...

Que belo texto! Que maravilhoso poder tem o amor!
Precisamos usá-lo mais e mais... com os que amamos, e com os que não... Jesus nos disse para amar nossos inimigos...nem todos têm inimigos... mas sempre tem aquela pessoa chata na família, aquela insistente no trabalho, a que nos prejudica até sem querer, aque não temos paciência... é a essa que Ele nos chama a amar!!!eis nossa luta!
abraços fraternos

barbara disse...

nosssaaaaaaaa

mto booooooooom!!!

Jesus é mtoo boooooom!!!!

maninhooo bom demais isso!!!!!!!

:')

Eduardo Cruz disse...

O amor se traduz em uma palavra, Jesus.

Belo texto Paulo, você tem uma percepção tremenda na escolha dos textos.

Deus te abençoe!!!

Éverton Vidal disse...

E eu sempre estou por aqui.
Um texto sobre Amor à luz do Cristo é sempre bem-vindo.

Abraço.

Graça ivo disse...

O que Amo em Jesus é que Ele permite que o feio em nós cresça e crie raízes. Mas se um dia pedimos à Ele que entre em nossa vida,para valer, Ele leva o feio embora e nos inunda com Seu Amor,trazendo à Vida o que estava Morto!
"O Amor é mais forte do que a Morte"
O Amor de Jesus é mais forte do que tudo!
Amor para todos meus amigos,
Graça

Kenosis disse...

Pax Christi, irmãozinho! Que belo post! Edificante reflexão a sua! Sim, como é desconcertante o Amor Dele, posto que totalmente diferente do nosso, posto que Divino, Sagrado e Absoluto. E que, por esse mesmo desconcerto, nos encanta com Suas surpresas no caminho. Um amor tal que nossas mentes analíticas não o conseguem conceber, apenas intuir. Obrigada pela partilha! Desejo um Santo e Frutuoso Advento, pleno do Amor! Abços in Domino et Maria semper!

Nada é grave...

"Nada é grave, a não ser perder o amor." [Irmão Roger de Taizé]