sexta-feira, 21 de novembro de 2008

PROPRIEDADE DE DEUS

"Só Deus nos conhece para além das nossas aparências.
Só Deus nos continuará a amar, ainda que percamos todas as nossas qualidades, porque Ele não ama as nossas qualidades mas a nós. Só Deus nos suportará sempre.

Só Ele sabe o que de nós espera e todas as pessoas que fez depender de nós e os gestos que de nós atende.
Quando nos desprezamos a nós próprios, desprezamos todos estes projectos, todos estes desejos de Deus em nós, toda aquela alegria que Deus havia esperado de nós, toda a esperança que depusera em nós.

Estamos perante o essencial da religião: acreditar que aquilo que eu faço interessa a Deus. O verdadeiro ateísmo consiste em pensar o contrário, resignar-se ao contrário. Uma vida ateia é uma vida na qual tudo se passa, tudo se sente, tudo se enfrenta e tudo se sofre como se não acreditássemos naquela verdade. Quantos ateus entre nós?

Cada um de nós é propriedade de Deus. Uma propriedade que Deus nos confiou. Quase nunca sabemos para que serve, pois geralmente Deus cuida de no-lo ocultar. E é normal que nos interroguemos com frequência: para que poderá servir, para quem poderá ser verdadeiramente útil a nossa vida? A fé consiste em crer que Deus a considera útil, necessária ao Seu plano, indispensável à Sua alegria. » (Louis Evely, em "Tu és esse homem")

5 comentários:

Sandra Dantas disse...

Como é grande esta verdade!!!
É quando nos apercebemos disto e podemos aperber-nos do Grandioso Amor de Deus e a "obrigação" de comunicar a todos este mesmo amor!!!

Gostei imenso do post!
Um agrande abraço amigo!

joaquim disse...

Obrigado Paulo por este texto, que nos ensina e relembra a verdade.

E como Ele se serve de nós!

Discretamente, a mior parte das vezes sem nos apercebermos, para que não nos vangloriemos do que não é mérito nosso.

Pois é, como diz São Paulo: «Quando sou fraco, então é que sou forte».

Adptando a este texto: «Quando julgo que para nad sirvo é que Deus se serve de mim».

Abraço amigo em Cristo

Ecclesiae Dei disse...

Que interessante, Paulo!
Quantas vezes agimos como se fossemos ateus. Obrigado por seu post!
Abraços e bom fim de semana!

Eduardo Cruz disse...

Sim, somos Dele. E não há benção maior do que conhecer essa verdade!!!!

Abraço!!!!

Kenosis disse...

Pax Christi!Deus lhe abençoe por este espaço onde partilha com todos textos excelentes para meditação e edificantes! Sempre que medito em muitos temas, muitas vezes volto a um lugar comum: a confiança e o abandono...A fé está entremeada da inteligência e da vontade. E estas três "forças" unidas nos levam direto e reto ao Sagrado Coração, que nos rouba de nós mesmos para preenchernos Dele. Sim, é nosso Dono, nosso Rei, e só espera de nós o primeiro impulso na Sua Direção. O resto, mesmo que pensemos que estamos fazendo, Ele conduz tudo em tudo.Obrigada pela partilha! Deus o abençoe e guarde! In Domino et Maria semper!

Nada é grave...

"Nada é grave, a não ser perder o amor." [Irmão Roger de Taizé]