segunda-feira, 4 de junho de 2007

Deus Procura-te


Este post surge na continuação dos posts que tenho publicado com base em transcrições do livro "O regresso do filho pródigo" de Henri Nouwen. A passagem que passarei a transcrever a seguir reflecte em parte o que tem sido a minha busca espiritual e o meu desejo insaciável por conhecer Deus e a verdade.


Ao longo de toda a minha vida tenho lutado por encontrar Deus, por conhecer Deus, por amar a Deus; procurei seguir as directrizes da vida espiritual - orar constantemente, trabalhar pelos outros, ler as Escrituras - e evitei muitas tentações de arranjar desculpas. Falhei muitas vezes, mas voltei sempre a tentar, mesmo quando estive à beira do desespero.

Agora pergunto se durante todo este tempo tive ou não suficiente consciência de que Deus andou a procurar encontrar-me, conhecer-me e amar-me. A questão não é «Como hei-de encontrar Deus?», mas: «Como hei-de deixar que Deus me encontre?». A questão não é «Como posso conhecer Deus?» , mas: «Como posso deixar que Deus me conheça?». Finalmente, a questão não é: «Como vou amar a Deus?», mas: «Como vou deixar-me amar por Deus?». Deus anda por longe à minha procura, tratando de me encontrar e desejando levar-me para casa.

Nas três parábolas em que Jesus responde à pergunta: porque come com os pecadores? , põe a tónica na iniciativa de Deus. Deus é o pastor que vai à procura da ovelha perdida. Deus é a mulher que acende uma candeia, varre a casa e procura por todo o lado até encontrar a moeda perdida. Deus é o pai que anda em busca dos filhos, vela por eles, corre ao seu encontro, os abraça, roga, suplica e anima a que voltem para casa.

Por estranho que pareça, Deus deseja encontrar-me tanto, se não mais, do que eu desejo encontrar Deus. Sim, Deus reclama-me tanto como eu a Ele. Deus não é o patriarca que fica em casa, imóvel, à espera que os filhos voltem para ao pé dele, à espera que peçam desculpa pelo seu comportamento, que peçam perdão e prometam emendar-se. Pelo contrário, abandona a casa sem fazer caso da sua dignidade, corre à procura deles, não quer saber de desculpas e promessas de emenda, e condu-los à mesa magnificamente preparada.


Henri Nouwen - "O regresso do filho pródigo"

7 comentários:

Maria João disse...

O grande problema quando tentamos encontrar DEus e não deixamos que Ele nos encontre é que acabamos por andar por caminhos dmasiado difíceis e errados. Caminhos que não têm nada a ver com DEus.

beijos em CRisto

Flôr disse...

Nós podemos desistir de Deus... mas DEUS NUNCA DESISTE DE NÓS! :))

Que "profundidade" este teu testemunho...

Deixo-te uma reflexão:

"Deus lançou sementes de confiança no teu corpo e na tua alma.

A maior parte das pessoas pode confiar que o seu coração continuará a bater e os seus pulmões a encherem-se de ar.

Mais importante ainda:
toda a gente pode chegar a saber o que é bom e sagrado.

Deixa que seja a santidade que há em ti a conduzir a tua busca de confiança em Deus."


Deixo-te um beijo florido

Flor :))

Marlene Maravilha disse...

"Com Deus a seu lado um novo porvir, que a vida lhe seja, um eterno sorrir." Estas palavras são para a tua esposa pelo seu aniversário! Parabéns!
Que coisa linda é deixar-se encontrar por Deus! e que magnifico é ser encontrado por Ele!!
abraços em Cristo,

Flôr disse...

Parabéns para a tua esposa. Mulher que Deus escolheu para "caminhar" ao teu lado. :D
Se o Senhor vos uniu... então ela é com certeza uma pessoa especial, como também tu és especial, meu irmão e amigo. :)

Por isso, passo pelo teu cantinho para lhe cantar os parabéns e lhe desejar AS MAIORES BÊNÇÃOS DOS CÉUS para ela, para ti e para toda a vossa família. Que o AMOR DE JESUS, nosso Senhor e Salvador, vos "envolva" em TODOS OS DIAS DA VOSSA VIDA.

Um dia muito feliz para ela e meu amigo, não te esqueças de, especialmente hoje, a mimares MUIIITO. Afinal ela é bebé!..

Se ela puder, que passe no meu jardim, pois deixei-lhe uma "prendinha"... :D

Beijo florido e recheado no amor de Jesus no vosso coração... no dos dois! :))

Flor

Anônimo disse...

A paz do Senhor,

Passei para ver as novidades e deixar meu carinho.
Desejo uma linda quarta feira e muita paz.

Smack!

Edimar Suely
edi_suely.blig.ig.com.br

somos iguais disse...

Muito bom chegar até o seu espaço, e poder ler esse seu tetemunho edificante. Que a paz do Senhor Jesus esteja sobre vc e tua casa. Abraços da Léo e do Edmar

sonia farmaceutica disse...

Olá, Paulo Costa
Quero agradecer os teus comentários tão simpáticos e, como vês, aceitei o teu convite. Por acaso até já tinha passado por este blog nas minhas deambulações internéticas. Identifiquei-me com a reflexão que fizeste sobre a tua busca e o teu desejo de conhecer Deus. Na verdade, quando conheci Deus também tentei encontrá-Lo, conhece-lo sem ter consciência que a minha relação com Deus não parte de mim mas parte Dele. Foi Deus que escolheu pessoas que foram seus instrumentos para Ele me encaminhar para junto de Si, eu só O conheci porque Deus se deu a conhecer, Ele foi ao meu encontro e estreitou-me nos Seus braços e fez festa por eu ter chegado.

As velas

"Nas igrejas nada reza excepto as velas. Elas perdem todo o seu sangue. Consomem todo o seu pavio. Não reservam nada para elas, d...