quinta-feira, 1 de maio de 2014

O RESSUSCITADO


«O Ressuscitado, que viveu entre nós e morreu pelas nossas mãos, sobe ao Pai conservando em si as marcas da sua paixão por nós. Tendo-se feito homem, é na nossa humanidade que nos ama. E é só assim que nós, como homens e mulheres, o poderemos amar.»


Pe. José Frazão, em "A Fé vive de afeto"

Nenhum comentário:

Nada é grave...

"Nada é grave, a não ser perder o amor." [Irmão Roger de Taizé]