domingo, 28 de abril de 2013

UM DEUS DIVERTIDO



«Só considero digno de Fé um Deus divertido. 
Um Deus simples e feliz, que não perde a Esperança 
porque é cheio de Graça!» 


Rui Santiago

Nenhum comentário:

Nada é grave...

"Nada é grave, a não ser perder o amor." [Irmão Roger de Taizé]