quinta-feira, 3 de junho de 2010

SER CRISTÃO

«É necessário dizê-lo e repeti-lo: ser cristão não é ser fiel às leis, mas antes de mais é ser fiel a Jesus Cristo. Ora, esta fidelidade quase nunca se inscreve na rigidez das regras, mas antes, passo a passo, numa humilde procura dos desejos do Pai na caminhada diária. »

Michel Quoist, em "Deus, sentido único"

Um comentário:

Raquel do Carmo disse...

Fantástica essa frase. É exatamente o que Jesus disse aos fariseus. A vinda de Jesus não veio de hipótese alguma abolir a lei, mas dar a ela pleno cumprimento, através de sua vida santa, repleta de fidelidade e obediência ao Pai.

Nada é grave...

"Nada é grave, a não ser perder o amor." [Irmão Roger de Taizé]