domingo, 27 de setembro de 2009

VIDA DE AMOR

«Toda a vida cristã consiste na procura da vontade de Deus com uma fé amorosa e no cumprimento dessa vontade abençoada, através de um amor fiel. (...)

Quando perdemos de vista o elemento central da santidade cristã, que é o amor, e quando esquecemos que o caminho para cumprir o mandamento cristão do amor não é algo de remoto e esotérico, mas sim algo que está imediatamente diante de nós, então a vida cristã torna-se complicada e muito confusa. Perde a simplicidade e a unidade que Cristo lhe deu no seu evangelho, e torna-se um labirinto de preceitos sem conexão, conselhos, princípios ascéticos, casos morais e até detalhes técnicos legais e rituais. Estas coisas tornam-se dificeis de entender, na medida em que perdem a sua conexão com a caridade que as une e lhes dá uma orientação para Cristo.»

Thomas Merton, em "Vida e Santidade"

2 comentários:

Nova Civilização disse...

Olá,
ultimamente venho nessa busca, procurando entender e acima de tudo compreender esse amor cristão. Tudo em Cristo me fascina!
Acredito que a chave da evolução humana está na doutrina de Cristo. Ele é o nosso "Grande Sacerdote". Seria a caridade a razão da nossa esistência!?!?!

"...Portanto fiquemos firme na fé que professamos. Porque temos um Grande Sacerdote poderoso, que entrou na própria presença de Deus, isto é, Jesus, o Filho de Deus..." Hebreus 4-14

relva disse...

Faz-me sentir dos Encontros e desencontros,na existência -<< Se o Senhor não construir a cASA,é inútil o cansaço dos pedreiros >>-SL 127.

Nada é grave...

"Nada é grave, a não ser perder o amor." [Irmão Roger de Taizé]