sexta-feira, 9 de agosto de 2013

CAMINHO ESTREITO DA HUMILDADE

“Quero passar sobre a terra de maneira obscura como um viajante à noite”. Charles de Foucauld

“Não é o heroísmo que será enaltecido, mas a oferenda obscura e aparentemente inútil de uma vida que não é senão o amor, sinal do amor de Deus em meio ao inferno que os homens, às vezes, sabem organizar” (Jean-Marie Lustiger, Cardeal Arcebispo de Paris, 1981-2005).

“Não é a religiosidade o que faz a verdade ou a mentira de uma vida humana e sim a autenticidade dessa mesma vida” (Dom Pedro Casaldáliga).

0 Comments: